Gestão Financeira Home

7 dicas para controlar melhor as contas da sua empresa

7 dicas para controlar melhor as contas da sua empresa

Ter o controle sobre as finanças é muito importante para manter uma boa saúde financeira, de uma pessoa física ou jurídica, e o controle de informações das contas a pagar e a receber torna-se essencial para a boa gestão financeira.

Isso pode ser um pouco complicado, mas estamos aqui para ajudar você a entender que o controle eficiente das contas irá funcionar como uma alavanca para o seu empreendimento. Para que ele cresça de forma organizada, você deve garantir que gerenciamento de estoque, os investimentos e a distribuição de dividendos, entre outros aspectos, estejam de acordo com as suas condições financeiras.

As contas a pagar e a receber são importantes parâmetros de informações para o gerenciamento do empreendimento e tomada de decisões. Para que a sua empresa tenha uma boa gestão financeira é necessário ter o controle de suas operações, sendo muito importante a realização de relatórios de fluxo de caixa. Dessa forma, o gerenciamento de contas a pagar e a receber fica mais preciso.

Com a realização de uma boa gestão financeira, sua empresa pode programar as ações de forma correta, buscando respeitar o cumprimento dos prazos e evitando o pagamento de juros, o grande vilão para os bons resultados de seu empreendimento. Isso permite que seu negócio goze de boa saúde financeira, sem a necessidade de passar por dificuldades para honrar os compromissos.

Confira algumas dicas para auxiliar na realização do controle de contas do seu negócio, visando sempre o aumento em seus resultados:

1. Faça um planejamento financeiro

Um item fundamental para o sucesso do controle de contas da empresa é a adoção do planejamento financeiro. É importante ter um controle de todas as despesas fixas da empresa, para que o gestor possa programar quais serão os gastos do período e quais as entradas. Esse controle pode ser obtido através da implantação de um software de gestão, tornando o processo mais simples e ágil.

Como a sua empresa controla os processos financeiros? Baixe gratuitamente o nosso eBook: Como um sistema de gestão pode ajudar a otimizar a gestão financeira da sua empresa.

Tenha sempre em mente: o planejamento é uma ferramenta essencial para que seu estabelecimento tenha resultados positivos.

2. Seja organizado

A boa organização permite o desenvolvimento de relatórios e atesta maior confiabilidade nas informações que você irá analisar para se planejar e controlar melhor as finanças. Dessa forma, fica mais fácil “prever” o que irá acontecer financeiramente, e garante que a empresa não passará por apertos para saldar os seus compromissos.

3. Realize o controle de todos os gastos

Para o planejamento ter êxito, é importante que o controle financeiro de gastos seja feito, para que você possa assegurar os bons resultados. Isso só será alcançado se seu negócio vender e, consequentemente, receber mais do que gastar. Dessa forma, é preciso manter o controle dos gastos fixos e dos gastos variáveis, e fazer uma análise diária do fluxo de caixa, de forma que sempre existam recursos para honrar seus compromissos.

4. Pague as contas em dia

Uma das maneiras de evitar gastos sem necessidade (juros e multas) é procurar quitar as contas em dia. Dessa forma, você precisa ter o fluxo de caixa da empresa atualizado, para poder garantir o pagamento das contas sem atrasos.

Caso seu empreendimento não esteja em boas condições financeiras, e se encontre, por exemplo, com despesas em aberto, verifique quais delas podem ser negociadas com os credores, para diminuir o valor de juros e multas a ser pago.

5. Antecipe pagamentos que ofereçam desconto

É sempre inteligente verificar se há contas que oferecem descontos para pagamentos feitos antes da data de vencimento. O pagamento antecipado, além de gerar economia de recursos, faz com que sua empresa conquiste crédito e boa imagem perante os seus fornecedores.

6. Cuide para que não haja endividamento

Você precisa ter bastante cuidado com a possibilidade de endividamento de seu negócio. A regra básica de uma boa gestão financeira é gastar menos do que se ganha. Por isso, o gerenciamento das informações referentes às contas a pagar deve ser feito de forma sistemática. A dívida da empresa precisa ser controlada, para que as contas não se tornem impagáveis por falta de geração de recursos.

7. Negocie com seus credores

Com todas as informações organizadas e a análise de relatórios feita, é possível que você consiga prever se haverá um momento em que o fluxo de caixa da empresa não conseguirá honrar suas dívidas.

Para evitar problemas junto a seus fornecedores e evitar o acúmulo de juros, você pode negociar a mudança nos prazos para pagamentos de determinadas contas, evitando que haja necessidade de tomar empréstimos e se endividar ainda mais.

O bom controle das entradas e das saídas da empresa contribui para que todos os compromissos sejam honrados e que haja sobra de capital para ser reinvestido na empresa, garantido o crescimento do seu negócio.

A gestão financeira é uma prioridade na sua empresa? Agora que você já sabe como melhorar a gestão de sua empresa, que tal colocar em prática? Qualquer dúvida, deixe um comentário aqui abaixo!

Veja também:

3. Realize o controle de todos os gastos  Para o planejamento ter êxito, é importante que o controle financeiro de gastos seja feito, para que você possa assegurar os bons resultados. Isso só será alcançado se seu negócio vender e, consequentemente, receber mais do que gastar. Dessa forma, é preciso manter o controle dos gastos fixos e dos gastos variáveis, e fazer uma análise diária do fluxo de caixa, de forma que sempre existam recursos para honrar seus compromissos.  4. Pague as contas em dia  Uma das maneiras de evitar gastos sem necessidade (juros e multas) é procurar quitar as despesas em dia. Dessa forma, você precisa ter o fluxo de caixa da empresa atualizado, para poder garantir o pagamento das contas sem atrasos.  Caso seu empreendimento não esteja em boas condições financeiras, e se encontre, por exemplo, com despesas em aberto, verifique quais delas podem ser negociadas com os credores, para diminuir o valor de juros e multas a ser pago.  5. Antecipe pagamentos que ofereçam desconto  É sempre inteligente verificar se há contas que oferecem descontos para pagamentos feitos antes da data de vencimento. O pagamento antecipado, além de gerar economia de recursos, faz com que sua empresa conquiste crédito e boa imagem perante os seus fornecedores.  6. Cuide para que não haja endividamento  Você precisa ter bastante cuidado com a possibilidade de endividamento de seu negócio. A regra básica de uma boa gestão financeira é gastar menos do que se ganha.  Por isso, o gerenciamento das informações referentes às contas a pagar deve ser feito de forma sistemática. A dívida da empresa precisa ser controlada, para que as contas não se tornem impagáveis por falta de geração de recursos.  7. Negocie com seus credores  Com todas as informações organizadas e a análise de relatórios feita, é possível que você consiga prever se haverá um momento em que o fluxo de caixa da empresa não conseguirá honrar suas dívidas.  Para evitar problemas junto a seus fornecedores e evitar o acúmulo de juros, você pode negociar a mudança nos prazos para pagamentos de determinadas contas, evitando que haja necessidade de tomar empréstimos e se endividar ainda mais.  O bom controle das entradas e das saídas da empresa contribui para que todos os compromissos sejam honrados e que haja sobra de capital para ser reinvestido na empresa, garantido o crescimento do seu negócio.  A gestão financeira é uma prioridade no seu negócio? Agora que você já sabe como melhorarar a gestão de sua empresa, que tal colocar em prática? Qualquer dúvida, estou aqui para ajudar!

Planilha Rentabilidade de Vendas

Você deve gostar também
4 dicas para otimizar o processo de emissão de NF-e | Brasão Sistemas
4 dicas para otimizar o processo de emissão de Notas Fiscais Eletrônicas
Como calcular a taxa de crescimento anual da sua empresa?
Entenda a diferença entre rentabilidade e lucratividade

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web