Underground

[E-book] Gestão de contratos: eficiência na prestação de serviços

A gestão de contratos existe porque estes documentos não devem ser apenas uma burocracia comum às fases iniciais de uma relação comercial. É importante que eles sirvam para nortear as atividades e garantir um entendimento saudável entre as partes. Porém, o que muitas vezes acontece é o esquecimento do contrato depois de assinado. E embora muitos tenham consciência da importância dele, também não tomam os devidos cuidados para que este documento seja respeitado.

Isso porque, logo que o acordo é firmado, muitas empresas arquivam os papéis e começam a prestar o serviço sem conferir o que é devido e o que não está contemplado no documento. O problema é que isso pode gerar prejuízos para a sua empresa, insatisfação para o cliente e desgaste com as equipes.

Acontece muitas vezes de os setores da empresa, individualmente, cuidarem dos seus contratos. Então, o setor de marketing gerencia os contratos com as agências de publicidade, o setor de vendas cuida dos documentos formalizados com os clientes e o compras administra os papéis assinados com os fornecedores. O problema é que, sem centralizar a gestão de contratos, o outro setor pode ficar sobrecarregado.

Imagine que o setor de vendas acerte um volume de produção com um cliente sem que o compras tenha uma noção exata do quanto isso vai impactar na necessidade de recursos, tanto de matéria-prima quanto de infraestrutura. O problema é que verificar isso depois do acordo firmado pode causar atrasos nas entregas, insatisfação do cliente e trabalho adicional à equipe de produção.

Por isso, é essencial que haja um profissional ou mesmo uma equipe ― dependendo do volume das operações ― que centralize a gestão de contratos. Dessa maneira, é possível ter uma visão abrangente da empresa, acompanhar o cumprimento do que foi acordado e deixar todas as equipes em sintonia para fazer valer as cláusulas dentro do período determinado no documento.

A importância da gestão de contratos e de que forma implementá-la

A gestão de contratos é essencial para garantir segurança jurídica, redução de custos, otimização dos processos e um bom relacionamento entre as partes. Como dissemos, ela ainda favorece a centralização da gestão, o que traz muitos benefícios além dos que já citamos aqui no artigo.

Ela compreende cinco fases, que devem ser respeitadas para que todas as ações ocorram com a máxima tranquilidade possível. São elas: a pré-contratual, a contratual, a de pré-execução, a de execução e de encerramento. Fazer com que essas fases ofereçam benefícios às empresas envolvidas exige, claro, a observação das boas práticas para a gestão de contratos.

Essas boas práticas dizem respeito à forma de descrever os itens no contrato, à definição de juros de mora e da multa rescisória, à conferência dos dados e ao correto armazenamento do documento. São vários procedimentos que asseguram que as duas partes tenham acesso integral aos benefícios da gestão de contratos.

Mas se você quiser entender em detalhes a importância da gestão de contratos, como ela vai realmente beneficiar os seus processos e garantir mais lucro para sua empresa, nós temos um e-book exclusivo sobre este assunto. Nele, além dessa questão das vantagens, você poderá se aprofundar a respeito do que compreende cada fase deste trabalho e saber como executar as boas práticas para colher todos os bons resultados que a gestão de contratos proporciona.

Por fim, você saberá de que forma utilizar a tecnologia para auxiliar nessa tarefa e quais as soluções mais adequadas para cada tipo de empresa e volume de operações. Então, faça agora mesmo o download gratuito do material e aproveite este conteúdo completo para beneficiar ainda mais os seus negócios!

E se você tiver ainda alguma dúvida sobre este assunto, entre em contato com a gente! Nossas equipes estão sempre a postos para auxiliar. Se preferir, você pode deixar o seu comentário no espaço abaixo.

Você deve gostar também
Como um ERP auxilia no planejamento da empresa
Versão 6.9 | Radar Financeiro e GED
Versão 6.9 | Radar Comercial e Radar Empresarial

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web