Recursos Humanos

O que fazer para qualificar a gestão de pessoas na empresa

Se por muito tempo a área de recursos humanos foi considerada mais operacional e burocrática, hoje esse setor ― que, inclusive, mudou de nome ― carrega importância estratégica para todas as empresas, independentemente do porte ou segmento delas. A gestão de pessoas se tornou peça-chave para o sucesso das organizações e qualificá-la pode otimizar ainda mais os resultados.

 

Porém, muitos gestores têm dúvidas sobre o que fazer para qualificar a gestão de pessoas e alcançar todo o potencial que esse departamento pode oferecer. É por isso que, neste artigo, nós elencamos algumas ações estratégicas que você pode desenvolver na sua empresa para aproveitar a gestão de pessoas de forma eficiente. Acompanhe!

 

1 – Desenvolva ações para reconhecer os funcionários

Um estudo publicado pelo Instituto Locomotiva e pelo Grupo LTM mostra que 59% dos trabalhadores entrevistados discordam de que “apenas o salário é importante na escolha de um emprego”. Para 78% deles, os elogios e os feedbacks positivos são importantes para ter reconhecimento no ambiente de trabalho. Isso quer dizer que a gestão de pessoas precisa investir em programas de valorização.

 

Um dia de folga, prêmios simbólicos e valores em dinheiro são exemplos de práticas utilizadas com esse objetivo, mas tudo depende do perfil da empresa e dos funcionários. O importante é que essa ação de reconhecimento e valorização motive e engaje os funcionários. Dessa forma, além de ganhar melhores resultados em produtividade e qualidade, a empresa também reduz o turnover.

 

2 – Mantenha a transparência na comunicação

Se tem uma coisa comum a quase toda as empresas, sejam pequenas, sejam grandes, é a rádio-peão, aquele burburinho de corredor que, por vezes, pode prejudicar o clima organizacional. Para evitar que as fofocas ganhem relevância, manter a transparência na comunicação é essencial e isso parte tanto da gestão de pessoas quanto do marketing, que devem se unir nesse trabalho.

 

Investir em jornais internos periódicos, por exemplo, é uma boa forma de manter toda a equipe bem informada sobre o que ocorre na empresa. As reuniões com gestores e lideranças também podem ser eficientes, assim como a abertura de um canal de comunicação direto entre líderes e funcionários para que se sintam mais à vontade. O importante é que tudo isso seja feito com transparência.

 

3 – Invista em educação corporativa

O investimento em educação corporativa traz resultados positivos tanto para os profissionais quanto para as empresas. Afinal, trata-se de um ciclo: o empreendimento investe na capacitação da equipe, que passa a se sentir mais valorizada e engajada e, consequentemente, também produz mais. Logo, a empresa tem o retorno do seu investimento em bons resultados e redução do turnover.

 

Nesse sentido, é possível desenvolver planos de carreira, políticas de bolsas de estudo, treinamentos e capacitações periódicos, entre outras ações que possam estimular o aprendizado e a qualificação dos funcionários. É importante que todas as regras para participação estejam bem claras e que essas oportunidades sejam divulgadas a todos os colaboradores.

 

4 – Promova ações de integração e melhora do clima organizacional

O trabalho em equipe é essencial para que a empresa conquiste bons resultados. O problema é que isso não funciona direito quando os funcionários não estão integrados ou há alguma complicação no clima organizacional. Dessa forma, é interessante acompanhar o clima na empresa e promover ações de integração periodicamente ou sempre que necessário.

 

Alguns exemplos são os trabalhos em grupo, as gincanas e as confraternizações, como o dia de trazer os filhos ou os animais de estimação para a empresa. Tudo isso faz com que os colaboradores não só se conheçam melhor, como passem a observar seus pontos em comum e a criar união, interação e engajamento entre os próprios funcionários.

 

5 – Identifique e desenvolva os talentos na sua própria empresa

Ao precisar de um novo funcionário, é comum que as empresas procurem profissionais no mercado em vez de olhar para os talentos que têm em casa. Porém, muitas vezes, há alguém na equipe que já está qualificado para exercer o cargo em aberto e a organização perde a oportunidade de valorizar esse profissional e contar com uma pessoa que já está totalmente adaptada ao seu perfil.

 

Já quando uma empresa consegue identificar e reter seus talentos, ela é capaz de ensinar os valores, os princípios, as regras e o ritmo de trabalho que deseja desde a chegada do colaborador à equipe, muitas vezes enquanto ele ainda é jovem-aprendiz ou estagiário. Com isso, o profissional é formado dentro do negócio, entende melhor as necessidades dele e se sente mais engajado,

Gestão de pessoas: setor estratégico para qualquer empresa

Essas cinco dicas mostram que a gestão de pessoas tem muito a contribuir para melhorar resultados dentro das empresas. E aqui, falamos sobre diversos aspectos, como o financeiro, em que é possível reduzir as despesas com turnover, e o produtivo, em que se pode melhorar os indicadores quando os profissionais são reconhecidos e se sentem parte do negócio.

 

E é claro, as ações estratégias desenvolvidas pela gestão de pessoas não trazem benefícios apenas à empresa, mas a todos os seus colaboradores. Como dissemos, trata-se de um ciclo em que, quando a organização investe em programas que reconhecem e motivam o trabalhador, ele se sente engajado a contribuir para fazer com que a empresa cresça com ele.

 

Que tal, então, colocar essas ações em prática no seu negócio? Com certeza, elas podem trazer resultados positivos! Se você tiver alguma dúvida nesse processo, deixe um comentário aqui embaixo para conversarmos. Aproveite também para conhecer o ERP Radar Empresarial, que tem um módulo repleto de funcionalidades para você otimizar a gestão de pessoas na sua empresa.

 

Acesse o nosso site ou entre em contato conosco para saber mais. Nós estamos à disposição!

Você deve gostar também
Confira o novo prazo para adesão ao eSocial para empresas do Simples
Entenda a relação entre o eSocial, o FGTS e a Previdência social
Entenda a relação entre o eSocial, o FGTS e a Previdência social
Quais os benefícios de um sistema ERP para o setor de RH?

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web