Gestão e Negócios Gestão Empresarial Home

O que as startups podem ensinar às empresas sobre gestão

Você já deve ter ouvido várias histórias de jovens empreendedores que começaram com uma ideia inusitada e se tornaram grandes exemplos de sucesso, não é mesmo? Esses pequenos negócios em desenvolvimento, mas com grandes expectativas, são as chamadas startups.

Se por um lado as startups são caracterizadas pela inexperiência, por outro, é justamente isso que permite que seus jovens empresários pensem fora da caixa e invistam em estratégias e produtos inovadores. Portanto, mesmo os empresários mais antigos, comandando empresas já bem estabelecidas, têm muito a aprender com eles.

Quer saber como? Então, continue a leitura e conheça as quatro lições que você deve aprender com as startups para implementar uma gestão mais inovadora na sua empresa!

Hierarquia mais horizontal 

Uma das características da geração Y, que engloba os nascidos no final do anos 80 até o ano 2000, é a pouca importância dada à hierarquização de suas organizações. Na maioria das startups, o argumento “eu sou seu chefe”, “seu gestor”, “seu superior” ou quaisquer outros embasados em cargos e superioridade não são bem-vindos.

Mesmo colaboradores recém-chegados ou com pouca formação podem ter uma ideia que ninguém mais teve. Essa lição é particularmente importante para empresas mais antigas, que tendem a criar um ambiente muito agressivo e rígido.

Nesse formato, um funcionário operacional dificilmente conversa com alguém além de seu gestor imediato, o que prejudica a comunicação geral da equipe e, consequentemente, a cooperação em geral. O resultado é uma significativa redução de produtividade em todos os setores. 

Inovação e criatividade

É importante esclarecer que inovação não é apenas “fazer algo novo”, mas também fazer algo antigo de outra forma, resolvendo um problema de cada vez. Muitos jovens empreendedores alcançam o sucesso que desejam por não ficarem presos aos métodos antigos, buscando um meio mais eficiente de executar o seu trabalho. 

Mas é claro que, mesmo assim, o sucesso envolve conhecimento. Nas startups, o maior domínio de várias técnicas e informações é o que permite encontrar falhas e solucionar cada problema. O ponto que merece destaque é que você não deve deixar que um protocolo torne-se uma prisão para a própria criatividade.

Agilidade e objetividade 

Outra característica das pessoas da geração Y, também chamadas de millennials, é o imediatismo. Tudo precisa estar o mais próximo possível do agora, e esperar trinta anos para colher os frutos de um trabalho não é uma opção. Isso pode ser um problema em alguns contextos, mas também significa que, por natureza, as startups aceleram os próprios resultados e se preocupam com o que é a prioridade. Com isso, essas empresas novatas atingem metas muito mais altas.

Movidos pelo impulso de realizar tão cedo quanto possível, esses empreendedores administram o tempo de forma equilibrada, otimizando o trabalho sem perder o descanso. Além disso, não há obrigatoriedade em seguir um plano até o final. Todos os procedimentos podem ser reavaliados conforme a necessidade, enquanto prazos são alterados até se tornarem mais precisos. Tudo isso facilita o planejamento e acelera a produtividade.

Melhor uso da tecnologia 

Uma característica marcante das startups é sua ligação com a tecnologia. Muitos empresários experientes ainda têm alguma resistência em mudar para os métodos mais modernos, seja por falta de familiaridade ou suspeita de ineficiência. Como os millennials já nasceram em meio à era da informação, têm uma incrível facilidade em  utilizar essas ferramentas em favor próprio. 

Porém, mesmo para empresas mais antigas e tradicionais, a tecnologia e a automação se tornaram vitais para manter a competitividade. Quanto melhor ela for aplicada, mais fáceis os processos mecânicos se tornam e, com isso, mais espaço há para os colaboradores inovarem em suas funções.

Viu só? As startups possuem muitas características que farão a diferença na sua empresa! Agora, para continuar aprimorando seu negócio, baixe nosso eBook: A tecnologia como diferencial em empresas B2B!

CTA Blog - A tecnologia como diferencial em empresas B2B

Você deve gostar também
Qual a importância de ter um controle de inventário eficiente?
Você sabe fazer projeção do seu Fluxo de Caixa?
Gestão de custos: como reduzir os gastos e economizar?

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web