Planejamento Estratégico

Planejamento empresarial: seu negócio está preparado para 2018?

Ter um planejamento empresarial é essencial para evitar surpresas e estar preparado para qualquer situação que possa ocorrer ao longo do ano. Por isso, antes de tomar qualquer atitude, uma boa dica é parar para refletir sobre a gestão do seu negócio e observar o que deve ser mudado ou mantido. Além disso, 2018 merece um planejamento especial. Afinal, é preciso lembrar que neste ano teremos dois eventos que mexem com o mercado. O primeiro é a Copa do Mundo, que impacta tanto nas vendas quanto na produção em dias de jogos do Brasil, uma vez que as empresas costumam liberar seus profissionais nestas datas. E o segundo são as eleições, que interferem, principalmente, na rotina das empresas que negociam com o governo, pois o cronograma de licitações acaba sofrendo alterações.

Para que você possa organizar o seu negócio de forma assertiva para conquistar excelentes resultados e tirar o melhor proveito das oportunidades deste ano que está apenas começando, elencamos neste artigo questões essenciais para ajudá-lo no seu planejamento empresarial. Caso você já esteja com tudo em dia, é hora de aproveitar as dicas e dar uma conferida para ver se não esqueceu de nada. Acompanhe!

1. Tire um tempo para analisar o passado

Antes de iniciar um novo planejamento é sempre bom fazer uma avaliação do ano anterior. Isso porque é possível aprender — e muito — com ações passadas como, por exemplo, identificar os pontos fortes e fracos de cada estratégia. Então, uma excelente maneira de começar é responder as seguintes perguntas: As metas foram atingidas? As estratégias funcionaram? Como o seu público reagiu? Em que ações os seus recursos foram aplicados? Qual foi o desempenho dos funcionários? Como está a imagem da empresa? Os resultados foram satisfatórios? O que pode melhorar? A partir daí, pode ter certeza de que ficará bem mais fácil se planejar para o novo ano.

2. Analise o mercado atual

Não tem como fazer um bom planejamento empresarial se você não conhece o seu mercado atual, certo? Desse modo, após fazer uma avaliação do seu ano anterior, liste os pontos de melhoria da empresa e também as ameaças e as oportunidades que vêm de fora, além, é claro, de analisar os seus concorrentes. Estas informações são essenciais para que você possa trabalhar com dados reais e, assim, traçar suas metas dentro da realidade do seu negócio para crescer de maneira sustentável.

3. Inclua um orçamento no seu planejamento empresarial para as ações durante o ano

Sem um controle financeiro eficaz é basicamente impossível se planejar para o ano. Portanto, assim como você fez um levantamento das suas ações do ano anterior, não se esqueça de fazer também o levantamento financeiro. Dessa maneira, é possível identificar onde se encontram as maiores entradas e saídas de recursos, facilitando a antecipação de ações para potencializar os ganhos e reduzir os custos da sua operação. Inclusive, para ajudá-lo nesse processo de gestão de custos, clique no banner abaixo, faça download do nosso e-book e entenda mais sobre o assunto!

4. Planeje suas metas

Para que o seu planejamento seja assertivo é fundamental estabelecer metas para todas as áreas, pois a evolução do todo irá refletir em bons resultados para o negócio. Para isso, é extremamente importante também deixar claro os prazos de início das ações, bem como o tempo para a realização e a concretização delas. É bom lembrarmos que embora as metas sejam traçadas no começo do ano, é interessante revisá-las sempre que necessário. Afinal, o cenário muitas vezes pode mudar e exigir algumas adaptações para que você tire o melhor proveito das situações.

5. Tenha muita organização

É nos pequenos detalhes que se pode fazer a grande diferença. E uma boa organização é essencial para que isso aconteça. Por isso, é preciso cuidar para que nada passe despercebido e acabe gerando prejuízo ao seu negócio. Tenha ao seu lado ferramentas que o ajudem a controlar suas atividades rotineiras, como reuniões e tarefas administrativas. Um bom exemplo é a boa e velha agenda — on-line ou física. A simples tarefa de anotar seus compromissos pode gerar resultados melhores para a sua empresa, porque dá a você uma visão clara do que é preciso executar durante o dia. Então, conte com essa ferramenta na hora de colocar em prática o seu planejamento.

6. Adote um sistema que seja ideal para otimizar a gestão do seu negócio

Utilizar um sistema ERP pode facilitar muito a gestão do seu negócio. Isso porque, por meio de um único software, você consegue controlar todos setores da sua empresa, deixando de lado aquelas dezenas de planilhas, pastas e arquivos que ficam espalhados em seu computador. Mas o mais importante de tudo é que, usando uma solução como essa, é possível aumentar a produtividade, a segurança e o controle das informações. Aqui na Brasão, oferecemos o ERP Radar Empresarial, da WK Sistemas, uma excelente opção para gerir uma empresa de forma completa e integrada.

Ela contempla de maneira inteligente todas as rotinas de uma empresa (vendas, finanças, materiais, produção, custos, serviços, controladoria, RH, GED, BI e qualidade), sendo adaptável às necessidades e à realidade do seu negócio também.

Agora, que tal analisar todos esses pontos que levantamos e dar início ao seu planejamento empresarial para 2018? E não se esqueça: conte sempre com a gente para auxiliá-lo no que for necessário para atingir os melhores resultados na sua empresa!

Você deve gostar também
6 dicas de divulgação para o seu produto fazer muito sucesso!
Entenda o papel dos setores de planejamento e controladoria nas empresas
Planejamento: como determinar objetivos estratégicos da sua empresa

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web