Blog

Conheça estratégias de gestão para empresas do setor náutico

Gestão Empresarial 26.11.2020 6 minutos de leitura Voltar

Em toda crise, reforçar as estratégias de gerenciamento empresarial é importante para garantir mais velocidade no processo de retomada. Nesse processo, é preciso contar com a tecnologia, inclusive nas demandas administrativas. E como parte essencial no desenvolvimento do país, a gestão para empresas do setor náutico é uma preocupação necessária não apenas para esta indústria.

Por ter uma atuação bastante abrangente, o setor náutico representa, inclusive, uma boa fatia da própria infraestrutura do país. O mercado de óleo e gás, no Brasil, depende bastante deste setor, sem contar o transporte marítimo de cargas e até a marinha! As outras demandas, mais comerciais, tampouco deixam de ser termômetros para a aceleração econômica.

Contudo, se para as pessoas em geral já é importante que este setor se recupere, quanto mais para os próprios empresários dessa indústria! É por este motivo que é tão relevante conhecer estratégias vencedoras capazes de qualificar a gestão para empresas do setor náutico!

5 dicas para melhorar a gestão para empresas do setor náutico

Para sobreviver, uma empresa precisa agregar valor para as partes interessadas: proprietários e acionistas, clientes, fornecedores, colaboradores e também para a sociedade. Então, uma correta gestão para empresas do setor náutico é um passo fundamental para que essa meta seja atingida, tornando o negócio mais competitivo em meio aos concorrentes, mais confiável para os seus parceiros e essencial para o mercado.

Para fazer isso, alguns cuidados são necessários, como apresentamos a seguir. Eles são parte de um esforço abrangente para criar valor ao produto, conquistar eficiência operacional e otimizar custos e processos. Confira!

1 – Invista na comunicação interna da empresa

A comunicação interna é essencial em qualquer cenário de mudanças. É por meio dela que os colaboradores são conscientizados sobre os procedimentos internos e orientados, por meio de treinamentos e capacitações, para as melhores práticas operacionais. Campanhas motivacionais também são elementos importantes de comunicação capazes de impactar positivamente na produtividade e no engajamento.

Por isso, é importante que, no trabalho de gestão para empresas do setor náutico, exista a preocupação com a satisfação dos seus colaboradores, pois são eles que vão permitir que a qualidade dos processos seja mantida para garantir a satisfação dos clientes, a rápida entrega e o cuidado com os custos de cada atividade.

Somente quando há uma comunicação de mão dupla, da empresa para a equipe e da equipe para a empresa, os colaboradores se sentem à vontade para expor as suas ideias, resolver os problemas e propor ideias importantes que auxiliem na tomada de decisão estratégica.

2 – Fique de olho no capital de giro

O capital de giro deve ser uma preocupação constante na gestão de empresas do setor náutico. É ele que impacta nas obrigações rotineiras de qualquer negócio. Em momentos de pressão financeira, pode ser difícil manter este ativo em boas condições para gerar tranquilidade às operações. Por isso, é tão relevante que algumas ações sejam desencadeadas para não ter problemas neste quesito.

Realizar um planejamento detalhado do ciclo do produto é o primeiro passo. Dessa forma, é possível entender a demanda de estoque, a velocidade necessária na produção e a organização logística, destinando recursos a cada área apenas conforme o estritamente necessário. Assim, ganha-se em otimização dos custos e diminuem-se os desperdícios, já que o controle dos processos fica mais exato.

Quando esse ciclo gira mais vagarosamente do que o previsto, afetando os recebimentos por conta da demanda baixa, uma saída é recorrer a opções de crédito. Uma dessas alternativas é a antecipação de recebíveis, menos burocrática e mais rápida do que empréstimos, por exemplo. Além disso, não se compromete o caixa com o pagamento das parcelas. Também vale, claro, ter um olhar cuidadoso com os custos e despesas, assunto para o tópico seguinte!

3 – Faça o controle dos custos e despesas

Controlar os custos e despesas é uma medida indispensável para manter o capital de giro em boas condições e postergar a busca por alguma solução de crédito, que sempre gera gastos extras com juros e taxas, por menores que sejam. Portanto, a adoção de uma cultura de controle orçamentário pode servir como uma grande aliada na gestão para empresas do setor náutico.

Tudo pode começar por medidas simples: reduzir o consumo de energia elétrica (deixar luzes acesas apenas onde e quando necessário, avaliar a necessidade de ar-condicionado etc.), controlar o consumo de materiais de escritório (papéis e impressões, por exemplo), trocar deslocamentos por reuniões online, entre outras medidas que podem, na verdade, tornarem-se hábitos.

O segundo passo é executar iniciativas mais diretas sob o ponto de vista administrativo. Caso não seja possível reduzir a equipe para adequar à demanda (por questões de custo com demissões), recorra ao expediente das férias, de modo a contar com o time completo quando a retomada estiver exigindo mais produção.

O parcelamento de tributos, a renegociação de débitos, o diálogo com os fornecedores para encontrar um caminho em parceria, de modo que os compromissos fiquem mais fáceis de serem cumpridos, são ações necessárias.

4 – Organize os processos burocráticos

Processos burocráticos muitas vezes são obrigações, como em relação às questões legais e tributárias. Mas dentro da rotina das empresas há muitos hábitos que valem ser repensados para criar mais dinamismo na gestão para empresas do setor náutico. Simplificar etapas e processos também é uma forma de reduzir custos.

5 – Intensifique a integração entre os setores

A integração entre os diversos setores é uma necessidade para qualificar a gestão para empresas do setor náutico. Como qualquer negócio, saber exatamente como estão ocorrendo os processos permite a concretização de todos os aspectos que listamos ao longo do artigo, garantindo, assim, a retomada de maneira sustentável.

Nesse sentido, um software de gestão para empresas do setor náutico é a melhor alternativa. Esse tipo de sistema tem diversas funcionalidades para auxiliar na administração e, consequentemente, na melhoria das tarefas diárias.

Com ele, é possível acompanhar os diversos departamentos da empresa, realizar o controle de produtividade e automatizar processos burocráticos (especialmente na coleta de informações para cumprimento de exigências legais). Com isso, é possível reduzir erros de produção, garantir segurança nas operações e executar um maior controle financeiro.

Implantação de software ERP

Aqui na Brasão Sistemas, temos o ERP Radar Empresarial. Ele tem funções úteis para auxiliar na gestão de empresas do setor náutico e facilitar os esforços necessários para manter a sustentabilidade do negócio e promover a rápida retomada em um mundo pós-pandemia. Quer entender como? Fique à vontade, então, para entrar em contato conosco ou deixar o seu comentário no espaço abaixo!

Esperamos que este artigo tenha sido útil para ajudar a sua empresa a se manter firme em um período tão desafiador. Se precisar, saiba que estamos sempre à sua disposição!

Deixe seu comentário

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.